Não sei o que queres dizer com glória, disse Alice.
Humpty-Dumpty sorriu, com desprezo. Claro que não, até que eu te diga. Quero dizer "aí tens um belo argumento que te arruma!"
Mas "glória" não significa um belo argumento que te arruma
, objectou Alice.
Quando eu uso uma palavra, disse Humpty-Dumpty, em tom de escárnio, ela significa o que eu decidir que significa, nem mais nem menos.
O problema é, disse Alice, se se pode obrigar as palavras a significar tantas coisas diferentes.
O problema é, disse Humpty-Dumpty, quem manda. Apenas isso.

Lewis Carroll, Alice no país das maravilhas




rascunhos
de
abordagens
(eventualmente)
literárias



GNM


Nasci muito perto do fim dos anos 70. O meu nascimento aconteceu às primeiras horas de um dia gelado de Dezembro, e, desde aí, jamais consegui libertar-me do frio que se fazia sentir naquele dia. A normalidade foi algo que durante toda a vida inconscientemente ansiei, mas sempre recusei. Em criança ela espreitava-me durante a noite, olhando-me do lado de fora da janela. E eu, fingindo não a ver, fechava as cortinas...

Sem aqueles dias

⊆ quarta-feira, outubro 05, 2005 por GNM | ˜ 33 comentários »

Sem aqueles dias,
Em que sorrias e cantavas,
Fingindo que não me vias
Enquanto me olhavas.
Sem aqueles dias,
De palavras ao vento,
Em que não distinguias,
A eternidade do momento.
Sem aqueles dias,
De nova verdade,
E as nossas sinfonias,
Acordavam a cidade.
Sem aqueles dias,
Perdidos em beijos,
Mil e uma magias,
E estranhos desejos,
Quem serias?


33 respostas a Sem aqueles dias

  1. I Says:
    Que bonito...como seria se não me tivesse acontecido isto ou aquilo...se não tivesse feito...se tivesse ido.Como seria?Onde estaria?mais feliz?mais infeliz?eterna dúvida...
  2. BloodyMary Says:
    Nada...apenas neblina escura e silenciosa da noite!

    Um beijo*
  3. Friedrich Says:
    Sem aqueles dias especiais que nos dão vontade de os abraçar para sempre, o que seria de nós se não existissem? Ficáramos sempre presos às noites frias e escuras!

    Abraços
  4. Å®t_Øf_£övë Says:
    Sem esses dias serias tu e ela e nunca haveria um "nós".
    Parabéns por este teu espaço. Gostei do que por cá encontrei.
    Bom feriado.
    Abraço.
  5. Cláudio B. Carlos (CC) Says:
    Olá!
    Obrigado pela visita lá no BALAIO.
    Por aqui, a musicalidade de sempre...

    Valeu!


    CC.
  6. Neith Says:
    Sem aqueles dias...apenas um vazio, uma saudade. Uma parte de nós que algures ficou...o desejo de reaver a nossa outra metade. Belo post :) Beijinhos e bom feriado
  7. Martuxa Says:
    Sem akeles dias, com akeles dias... A vida são momentos... O k fazemos com eles??!! A dúvida subsiste qd nos vem à cabeça o famoso "se"...
    Há mto tmp k ñ te vejo no meu blog... LOL. Tou na brincadeira
    Bjitos gandis
    Bom feriado
  8. Fernando B. Says:

    Sem aqueles dias
    De nova verdade
    E as nossas sinfonias
    Acordavam a cidade

    Bela reflexão sobre o Amor.

    Um Abraço,
  9. António Says:
    Continua com os teus poemas de que tanto gosto.
    Não me queria repetir, mas não posso deixar de realçar a musicalidade que neles está tão marcada.
    Continua...a tua hora de sucesso vai chegar...mais cedo ou mais tarde.

    Obrigado pela visita, mais uma.
    Volta sempre!

    Abraço
  10. Paula Raposo Says:
    Muito bonito, gostei. Sem aqueles dias, o amor será precisamente o mesmo...muitos beijos
  11. yatashi Says:
    Deixo te um sorriso, querido amigo

    Rose*
  12. Rita Says:
    Uma pessoa só se devia arrepender do que não fez. mas nem sempre é assim, não é... sem o passado, como serias?:)
    Um abraço
  13. Bárbara Vale-Frias Says:
    É engraçado como há dias nos acompanham a vida toda.

    Bela forma de falar "daqueles" dias :)
  14. luisa Says:
    Como um trovador. A música das palavras e as palavras da música. Indissociável musicalidade. Harmonia.
  15. zahaara Says:
    As tuas palavras dizem tudo! É sempre bom recordar aquilo que um dia nos fez completamente felizes.
    Gostei da tua visita! Volta sempre.
    Fica bem ,)
  16. Natalie Afonseca Says:
    O que faria e o que seria?!?!?
    Que bonito, adorei!!

    Um sorriso :)
    **
  17. Luis Enrique Says:
    Como sempre, bela a tua poesia amigo. Também meu caro, muito obrigado por teres visitado o meu blog. Fica lá um post sobre Reinaldo Arenas, esse grande escritor Cubano, q tive que traduzir aõ Português. Já agora, coloquei um "pé de nota" de agradecimento a tí por recordarme de que tinha mesmo que colocar um post de Reinaldo. Fico-te grato, Chute. ; )
  18. aflores Says:
    Uma magia de palavras, sentimento e desejo.
  19. Fernando Palma Says:
    Impressionante a musicalidade deste poema. Muito bom ritmo.
    Sem estes momentos, nada seríamos!
    Beijo.
    Fernando.
  20. agua_quente Says:
    Sem esses dias de "mil e uma magias", todos somos diferentes. São os dias que nos marcam.
    Beijos
  21. Estrela do mar Says:
    ...eternas dúvidas...ou eternas certezas...não sei...mas sei que gostei de te ler...embora tenha que vir cá com mais calma ler melhor o que já escreveste...e que pelo nome dos posts acho bastante interessante...

    Beijinhos.
  22. Claudia Perotti Says:
    Nossa!
    Texto e música entram-me alma adentro provocando muitas emoções.
    Lindo demais!

    Beijos
  23. Cadelinha Lésse Says:
    Não há como vir a esta fonte para matar a sede de coisas bonitas!

    Xis
  24. mfc Says:
    Quem sabe??!
    Nunca o saberemos... e sempre procuraremos respostas... está na nossa natureza!
  25. Carmem L Vilanova Says:
    Hoje vim para convidar-te para a festa de 1º aniversário do Eu Sei Que Vou Te Amar... És peça muito importante neste um ano de história, afinal é tambem por ti que ele existe!
    Muitos beijos, flores e sorrisos para ti!
  26. Aran Says:
    E deste tb gostei... mas isto flui forte!!! :) jinhos
  27. Carlos Barros Says:
    um daueles poemas que nos obrigam a fechar os olhos e a viajar..por ai...
  28. Luís Monteiro da Cunha Says:
    Gosto.
    Fica na mente.
    Uma interrogação saudável.

    Abraço
  29. Anjinho Says:
    Muito bom mesmo!
    Uma dúvida que não faz mal!
    (Peço desculpa pela minha longa ausência, dias melhores me esperam, nunca esquecerei o teu cantinho)
  30. lualil Says:
    Onde estarias?
    o que dirias?
    o que farias?
    como serias?
    ... sem aqueles (nossos)dias!

    liindo isso! e a música é absolutamente fantástcia!
    beijos
  31. nina Says:
    as tuas palavras encantam me
    bom fim de semana
    um beijinho
  32. Marisela Says:
    Andam escondidos grandes talentos neste país... andam, andam!
    ** Lindo


    http://marisela-naosou.blogspot.pt
    (mudei)
  33. Anónimo Says:
    Wonderful and informative web site. I used information from that site its great. » »

= Leave a Reply